Megalópolis, de Leon Hirszman, abre sessão de encontros sobre Cinema e Jornalismo




Em Megalópolis, filme de 1973, o documentarista Leon Hirzman usa a megalópole de Atenas, na Grécia, para abordar o futuro do sudeste brasileiro. Como estarão as cidades em termos populacionais, de mobilidade e infraestrutura? Esse foi o exercício de Leon, que se mostrou certeiro em muitos pontos, incluindo a superpopulação e no status de Megalópole que São Paulo conquistou.


Para discutir sobre o filme e a temática que ele aborda, os jornalistas Sérgio Gomes e Oswaldo Colibri Vitta, conversam com o arquiteto e urbanista Ciro Pirondi. Haverá momento de interação entre os participantes do curso.


Nesta primeira edição, o curso Cinema e Jornalismo: Luzes sobre São Paulo recebeu mais de 300 inscrições. Em modalidade online, os encontros acontecerão sempre aos sábados pela manhã, das 10h às 12h30. O curso vai de 06 de novembro a 29 de janeiro de 2022. Sobre o filme Megalópolis | 1973 | Brasil | 10 minutos | Documentário | Direção: Leon Hirszman Filme aborda o futuro da região sudeste brasileira, tendo como referência histórica a megalópole de Atenas.


Sobre o convidado Ciro Pirondi é arquiteto e urbanista. Trabalha há 30 anos neste ofício. Também é professor universitário. Foi um dos fundadores da Escola da Cidade e seu diretor de 1996 a 2019. Integra a direção da Fundação Oscar Niemeyer e é atual diretor da Fábrica -Escola de Humanidades, a escola se ensino médio técnico da Escola da Cidade.


Sobre o curso Neste novo curso, os alunos serão convidados a assistir filmes, participar de debates, reflexões e entrevistas coletivas com especialistas sobre as obras cinematográficas e as temáticas envolvidas na programação, além de produzirem, durante o percurso, trabalhos jornalísticos que deverão ser publicados em diferentes formatos e plataformas (textos, vídeos, áudios, entre outros).


O curso é realizado pelo Instituto de Pesquisa, Formação e Difusão de Políticas Públicas e Sociais (IPFD), em parceria com a OBORÉ Projetos Especiais, e conta com o apoio da Secretaria Municipal de Cultura da Prefeitura Municipal de São Paulo.

1 visualização