‘Cinema e Jornalismo: luzes sobre São Paulo’ abre inscrições nesta quarta-feira

Atualizado: 22 de out. de 2021



Este módulo do Projeto Repórter do Futuro é destinado a estudantes e recém-formados. Ao todo, serão selecionados 100 participantes. Os 10 encontros, de 6 de novembro de 2021 a 29 de janeiro de 2022, acontecerão sempre aos sábados em ambiente virtual. As inscrições encerram na segunda, dia 25 de outubro.


Debater sobre São Paulo é jogar luz sobre a cidade e sua complexidade cultural, social, econômica, política e urbana. E porque não o fazer pelas lentes do cinema e do jornalismo?


Neste novo curso, os alunos serão convidados a assistir filmes, participar de debates, reflexões e entrevistas coletivas com especialistas sobre as obras cinematográficas e as temáticas envolvidas na programação, além de produzirem, durante o percurso, trabalhos jornalísticos que deverão ser publicados em diferentes formatos e plataformas (textos, vídeos, áudios, entre outros).


Inscreva-se!


O curso é realizado pelo Instituto de Pesquisa, Formação e Difusão de Políticas Públicas e Sociais (IPFD), em parceria com a OBORÉ Projetos Especiais, e conta com o apoio da Secretaria Municipal de Cultura da Prefeitura Municipal de São Paulo.


Utilizando a mesma metodologia do Projeto Repórter do Futuro, o curso prevê 10 encontros de reflexão, seguidos de Conferências de Imprensa, aos sábados, das 10h às 12h30, de 6 de novembro de 2021 a 29 de janeiro de 2022. O ponto de partida de cada encontro serão obras cinematográficas (disponibilizadas e assistidas previamente na plataforma da Spcine) que guiarão as reflexões, discussões, pautas, reportagens, documentários, narrativas audiovisuais e produções multimídia dos alunos sobre a cidade de São Paulo.


A atividade é voltada a estudantes e recém-formados nos cursos de graduação em Comunicação com habilitação em Jornalismo, Multimeios, Audiovisual e/ou Cinema, de instituições do estado de São Paulo, públicas e privadas.


Aqui está o link para as inscrições


Metodologia


Cada encontro será precedido pela audição dos filmes selecionados na programação. Eles serão disponibilizados, previamente, de maneira online para todos.


A cada sábado haverá a participação remota em palestras, seguidas de entrevistas coletivas com profissionais e especialistas que dialogam com a temática do filme, da cidade e/ou do encontro proposto na programação.


Durante os 5 últimos encontros, os estudantes e recém-formados, deverão se organizar em grupos para a produção de peças audiovisuais e/ou multimídia, sobre a cidade de São Paulo e o percurso dos encontros. Ao final, há o desafio para que essa produção seja veiculada nos mais variados meios de comunicação – sejam tradicionais, alternativos, periféricos ou mídias sociais.


Cronograma


20 a 25 de outubro – Período de inscrição

29 de outubro – Divulgação dos selecionados

6, 13, 20 e 27 de novembro e 4, 11 e 18 de dezembro, 15, 22 e 29 de janeiro, sempre aos sábados, das 10h às 12h30 – Encontros (Discussão + Palestra + Entrevista coletiva)

18 de dezembro a 29 de janeiro – Organização em grupos e produção das peças (reportagens, documentários, produtos audiovisuais e/ou multimídia) pelos alunos

29 de janeiro a 7 de fevereiro – Publicação dos materiais


Inscrições e seleção


Aqui está o link para as inscrições


Serão selecionados 100 estudantes e recém-formados formados nos cursos de graduação em Comunicação com habilitação em Jornalismo, Multimeios, Audiovisual e/ou Cinema, de instituições do estado de São Paulo, públicas e privadas.


A política de financiamento estudantil e o sistema de cotas são critérios a serem utilizados como indicadores de seleção às vagas do curso. No formulário de inscrição há um campo específico para indicar se o postulante ao curso é matriculado em uma instituição privada ou pública e se seu ingresso na universidade foi via Ação afirmativa EP (EP= Escola Pública), Ação afirmativa PPI (PPI= Pretos, pardos e indígenas) ou Ampla concorrência (AC), no caso da rede pública.


Se for aluno de escola privada, deverá indicar se é beneficiário de programas de bolsa, como por exemplo, FIES ou PROUNI.


IMPORTANTE! Tal roteiro nos orientará na pré-seleção dos 100 cursistas, sendo:

- 50 vagas para estudantes de escolas públicas

- 50 vagas para as estudantes de escolas privadas sendo que, para estes, daremos prioridade aos estudantes com bolsas e financiamento estudantil.


Mais informações

www.obore.com

E-mail: reporterdofuturo@obore.com

Whatsapp: (11) 9 9320-0068


5 visualizações